ADAO Lança a 17.ª “Semana Global Anual de Consciencialização sobre o Amianto”, que terá lugar de 1 a 7 de abril de 2021

WASHINGTON, D.C., UNITED STATES, March 31, 2021 /EINPresswire.com/ -- PARA DIVULGAÇÃO IMEDIATA
31 de março de 2021

A Organização de Consciencialização sobre a Asbestose (ADAO) Lança a 17.ª “Semana Global Anual de Consciencialização sobre o Amianto”, que terá lugar de 1 a 7 de abril de 2021

Tendo em conta o risco acrescido que a COVID-19 representa para os doentes com asbestose, mais do que nunca é importante sensibilizar para esta doença.

Washington DC, EUA — A Organização de Consciencialização sobre a Asbestose (ADAO), uma organização independente sem fins lucrativos dedicada à prevenção da exposição ao amianto e à erradicação de todas as doenças provocadas pelo amianto, anunciou hoje o lançamento da 17.ª “Semana Global Anual de Consciencialização sobre o Amianto”, que terá lugar de 1 a 7 de abril de 2021.

A Semana Global de Consciencialização sobre o Amianto é dedicada à sensibilização, consciencialização e prevenção. Em cada um dos dias, serão apresentados recursos didáticos de organizações de referência e especialistas, vídeos e histórias de vítimas do amianto. Os recursos estão na maioria traduzidos em cinco línguas diferentes (espanhol, francês, português, russo e hindi), de forma a tornar nesta semana uma verdadeira oportunidade de sensibilização global. A semana culmina a 7 de abril, com uma vigília virtual à luz de velas à escala mundial.

Baseando-se na força e na colaboração com os nossos parceiros, este ano a Semana Global de Consciencialização sobre o Amianto incidirá na:
1. Proibição da mineração, produção e utilização do amianto
2. Prevenção da exposição ao amianto
3. Aumento do cumprimento e da aplicação das leis e regulamentos em vigor
4. Fortalecimento das parcerias internacionais

“Estamos entusiasmados por fazer chegar as nossas mensagens a um público mundial. A COVID-19 tornou o mundo num lugar ainda mais perigoso para quem vive com asbestose e mais do que nunca é essencial que as pessoas percebam os perigos do amianto para a saúde e como evitar a exposição em casas, escolas, locais de trabalho e nos estabelecimentos comerciais”, disse Linda Reinstein, viúva de doente com mesotelioma e co-fundadora da ADAO.

“A verdade pura e simples é que o amianto mata. O amianto é um conhecido carcinogéneo humano e não há um nível seguro de exposição. E enquanto a investigação prossegue com resultados promissores, a prevenção continua a ser a única cura. Cerca de 70 países já proibiram o amianto, no entanto, os Estados Unidos da América continuam a permitir a sua importação e utilização”, explicou Linda Reinstein.

Durante o século XX, o amianto foi amplamente utilizado na construção civil, construção naval e na indústria automóvel. Apesar de muitas nações terem banido o amianto, os Estados Unidos da América não fazem parte desse grupo. E na ausência de uma proibição total deste carcinogéneo, o amianto continua a ser legal e letal em muitos países no mundo inteiro. À escala mundial, mais de 200 000 pessoas morrem todos os anos na sequência de doenças evitáveis causadas pelo amianto.

Para mais informações sobre os eventos da Semana Global de Consciencialização sobre o Amianto, visite www.asbestosdiseaseawareness.org.

###

Sobre a Organização de Consciencialização sobre a Asbestose
A Organização de Consciencialização sobre a Asbestose (ADAO) foi fundada por vítimas do amianto e suas famílias em 2004. A ADAO é a maior organização sem fins lucrativos nos EUA que se dedica a dar às vítimas do amianto e aos cidadãos preocupados uma voz unida através das nossas iniciativas educativas, de sensibilização e comunitárias. A ADAO procura alertar a consciência do público para os perigos da exposição ao amianto, defender a sua proibição e proteger os direitos civis das suas vítimas.

Tracy Russo
Asbestos Disease Awareness Org
+1 310-251-7477
email us here

Data & News supplied by www.cloudquote.io
Stock quotes supplied by Barchart
Quotes delayed at least 20 minutes.
By accessing this page, you agree to the following
Privacy Policy and Terms and Conditions.